Quais tipos de painéis solares existem?

Quais tipos de painéis solares existem

Conhecimento é poder. Antes de fazer qualquer investimento é de extrema importância conhecer com o que você está lidando, né? Aqui no nosso blog, você já aprendeu sobre todas as vantagens do uso da energia solar, desde a economia na conta de luz até os enormes benefícios ao meio ambiente. Nesse texto vamos mais a fundo e conhecer os tipos de painéis solares, suas particularidades, vantagens e desvantagens.

Para começar, temos a pergunta primordial: O que é uma placa fotovoltaica?

Uma placa fotovoltaica é o equipamento com o qual é captado os fótons presentes na luz solar e convertidos em energia elétrica. Esse processo é realizado através das unidades de células fotovoltaicas que absorvem a energia do sol.

Diferente de outras formas de geração de energia, as placas fotovoltaicas ocupam muito menos espaço, requerem mínima manutenção e tem alta durabilidade. Você pode instalar um conjunto de placas no telhado da sua casa ou empresa, se possuir mais espaço, é possível construir conjuntos de placas no solo para mais geração de energia. Outras fontes, como hidrelétrica ou até nuclear demandam espaços colossais para sua infraestrutura e ainda possuem chance de agredir de forma severa o meio ambiente.

Placas para todos os gostos

Agora que entendemos o que é e como funciona uma placa fotovoltaica, hora de conhecer os tipos existentes!

1 – Painel de silício monocristalino

O silício (Si) foi descoberto pelo químico suéco Jöns Jacob Berzelius em 1823 e é o segundo elemento mais abundante na crosta terrestre, perdendo apenas para o oxigênio. Ele é o principal componente do vidro, cimento, cerâmica, os silicones, mas principalmente para nós, ele é um excelente semicondutor. Vocês irão perceber que o silício será uma constante entre os tipos de painéis.

Quais tipos de painéis solares existem
Silício (Si)

Os painéis solares de silício monocristalino (mono-Si) são fabricados a partir de um único cristal de silício em formato cilíndrico e cortados em lâminas individuais, que são tratadas e se tornam as células fotovoltaicas. Os mono-Si possuem a eficiência mais alta entre os tipos comercialmente viáveis chegando entre 15 a 22%.

A sua aparência é bem distinta. As bordas das células são cortadas para melhor disposição nas placas, são compostos por uma matriz de células em formações de série e paralelo. Com antirreflexo possuem uma cor azul escura ou quase preta e sem antirreflexo cinza.

Quais tipos de painéis solares existem?
Painel de silício monocristalino

Os mono-Si são provavelmente os tipos de painéis solares mais caros do mercado, porém, possuem uma vida útil de mais de 30 anos e tendem a funcionar melhor em condições de pouca luz.

2 – Painel de Silício policristalino (p-Si)

Também conhecido como multi-cristalino (mc-Si), esses painéis solares foram introduzidos no mercado em 1981. Assim como o mono-Si, os p-Si/mc-Si são feitos de silício, a diferença é o método utilizado na fundição dos cristais. No p-Si, os cristais de silício são fundidos em um bloco, desta forma preservando a formação de múltiplos cristais, por isso o nome “poli/multi”. Quando o bloco é cortado e fatiado nas lâminas para as células, é possível ver essa formação de múltiplos cristais.

Quais tipos de painéis solares existem?
Painel de Silício policristalino (p-Si)

O método de produção é um pouco mais fácil. Neste caso, os blocos são serrados em quadrados e então fatiados. São muito similares ao mono-Si, tanto no desempenho quanto na durabilidade, exceto que a eficiência é um pouco mais baixa, em torno de 14 a 20%. A forma das células é quadrada e tem coloração azul (com antirreflexo) ou prateado (sem antirreflexo).

Além de terem uma eficiência um pouco menor, eles geram menos Watts/hora por metro quadrado, sendo necessária uma cobertura de espaço maior para compensar, porém esse tipo de painel costuma ser mais barato.

3 – Painel de Silício amorfo (a-Si)

Você com certeza já é bem familiar com essa placa, só não sabe disso ainda, até agora! A placa de silício amorfo é conhecida pela baixa geração de energia, por isso, é mais comum de ser usada em pequenas escalas como em calculadoras ou relógios.

Quais tipos de painéis solares existem?
O silício amorfo é mais comum de ser usado em calculadoras ou relógios.

Porém, hoje em dia esse tipo de placa é usada em larga escala graças a uma técnica de fabricação chamada de “empilhamento”, onde várias camadas dessas células de a-Si são combinadas, aumentando a sua taxa de eficiência que pode chegar em torno de 6 a 9%. A maior desvantagem desse processo é o seu custo elevado, já que precisa usar uma quantidade maior que o normal de silício no processo de empilhamento.

4 – Painel de Telureto de Cádmio (CdTe)

Tipicamente usado em usinas de energia solar, os painéis de CdTe possuem uma eficiência de 9 a 16%. Sua construção é através de películas finas e até mesmo superam o custo/beneficio de painéis solares de silício cristalino.

Quais tipos de painéis solares existem?
Painel de Telureto de cádmio (CdTe)
5 – Painéis de Seleneto de cobre, índio e gálio (CIS/CIGS)

A tecnologia de filme-fino na produção de energia solar em larga escala ainda está em desenvolvimento, mas pouco a pouco ela vem conseguindo se equiparar com as comumente usadas de silício. Essas células contêm menos cádmio, que é um elemento prejudicial ao organismo humano, mas é um ótimo semicondutor. É bem comum vermos esse material em pilhas e baterias. Os painéis solares de CIS/CIGS possuem uma eficiência moderada entre 10 a 13% e tem sido cada vez mais comercialmente viável.

6 – Painel Orgânico (OPV)

O OPV torna o eco-friendly mais eco-friendly ainda. Esse tipo de tecnologia usa a eletrônica orgânica para a geração de energia. Através de polímeros orgânicos condutores, são fabricadas as células em filme e tem como principal característica serem extremamente maleáveis e finas, podendo ter um uso muito variado. Um exemplo seria usar as faixas de OPV como adesivos em telhados, janelas de prédios e até tetos de carros para obtenção de energia para usos específicos. As eficiências das células não possuem um valor determinado e dependem do seu uso e quantidade. A maior vantagem é o processo de fabricação “roll to roll”, que produz grandes quantidades do produto que não leva nenhum tipo de elemento prejudicial ao meio ambiente.

Quais tipos de painéis solares existem?
Painel orgânico (OPV)
7 – Painel Híbrido (HJT)

Possivelmente será o melhor tipo de painel de todos. Ele unifica os painéis monocristalino com uma passivação em camadas de silício amorfo. Sua eficiência está na cada dos 21 a 24%. É o painel que produz mais energia por metro quadrado e funciona excepcionalmente melhor em temperaturas mais altas, o que é excelente em países quentes como o Brasil, porém, essa tecnologia ainda não está disponível para comercialização no mercado.

Quais tipos de painéis solares existem?
Painel Híbrido (HJT)
O poder está em suas mãos

Agora que estamos familiarizados com os diversos tipos de placas fotovoltaicas que existem, é hora de tomar a iniciativa e fazer parte de um mundo melhor e mais brilhante. Acesse o nosso site e experimente a nossa calculadora solar para um orçamento do seu sistema. Faça uma simulação agora!

Entre em contato conosco no telefone ou visite uma de nossas lojas. Nós da Inove Energia estamos ansiosos para termos você fazendo parte da nossa família.

Whatsapp: (53) 99951-6938

Venha nos visitar!

Em Pelotas: Av. Adolfo Fetter, 912. Recanto de Portugal. Fone: (53) – 3342-0999;
Em Rio Grande: Oceantec Parque Tecnológico da FURG. Fone: (53) 3342-9099;

Converse com a gente!